Saúde bucal: Descubra as principais causas do mau hálito e como eliminá-lo

Saúde bucal: Descubra as principais causas do mau hálito e como eliminá-lo

O mau hálito é considerado um dos principais problemas de saúde bucal. Ele se caracteriza por um forte odor na boca, que pode ser facilmente percebido pelas demais pessoas. Isso atinge diretamente a vida social do paciente e até mesmo a autoestima.

Esse problema geralmente é causado pelo acúmulo de bactérias na língua, por uma precária higiene bucal ou doenças. Por esse motivo, deve ser tratado corretamente para que o paciente não precise sofrer com as consequências do mau hálito e tenha a sua vida prejudicada.

Pensando nisso, ao longo deste post você irá encontrar informações importantes sobre as principais causas do mau hálito e como eliminar esse problema. Confira:

Saúde bucal: principais causas do mau hálito

Conhecer quais são as principais causas do mau hálito é o primeiro passo para iniciar o tratamento adequado e recuperar a sua saúde bucal. Por isso, selecionamos os principais fatores que contribuem para o desenvolvimento desse problema, veja abaixo quais são eles:

Resíduos de alimentos

Logo depois de fazer alguma refeição, é comum que sejam acumulados alguns resíduos de alimentos entre os dentes. Quando eles não são retirados rapidamentes, eles começam a passar por um processo de fermentação nos dentes, na língua e no paladar.

Durante esse processo de fermentação, a boca começa a produzir um tipo de ácido. É ele que faz com que sejam formadas cáries, placas bacterianas e também o mau hálito. Por isso, é tão importante que o paciente fique atento à higienização adequada da boca, sobretudo depois das refeições.

Uma dica bacana é que você não só faça uma escovação adequada, como também use o fio dental e o enxaguante bucal. Esse simples hábito pode fazer com que você evite vários problemas, como os indicados acima.

Fumar prejudica a saúde bucal

O hábito de fumar tabaco também pode prejudicar a saúde bucal do paciente, pois provoca manchas nos dentes e causa o terrível mau hálito. Para diminuir ou eliminar os danos causados na boca, língua e gengiva é preciso iniciar um tratamento para acabar com esse vício.

Mas isso não é tudo, também foi constatado que fumar aumenta consideravelmente as probabilidades de surgirem problemas mais graves como o câncer de boca e esôfago. Não é à toa que cada vez mais profissionais indicam que os pacientes passem por um processo para parar de fumar.

Essa é a melhor maneira de não desenvolver mau hálito ou outras doenças bucais mais graves. Além disso, ao parar de fumar, você também irá garantir que a sua saúde seja preservada.

Má higiene bucal

Não higienizar a boca de maneira adequada é considerado um dos principais fatores que provocam o mau hálito. Isso ocorre porque, os resíduos dos alimentos não são retirados e são fermentados entre os dentes, como falamos anteriormente.

Nesses casos, é de suma importância que o paciente melhore a sua higiene bucal. Para isso, recomenda-se que ele não escove apenas os dentes, como também a língua e a gengiva. Essa simples prática irá diminuir a quantidade de bactérias na boca.

Uma boa dica é recorrer ao uso de acessórios para fazer a higiene bucal adequada. Além da escova com cerdas macias, o paciente também pode usar:

  • fio dental;
  • limpador de língua;
  • escova interdental;
  • enxaguante bucal.

Juntos, o uso regular destes tipos de acessórios irá contribuir para que você mantenha a sua boca sempre limpa e livre do mau hálito.

Problemas na saúde bucal

É inegável, os problemas na saúde bucal também podem contribuir para que você desenvolva mau hálito. Uma prova disso é que os pacientes que sofrem com cáries, gengivite e periodontite também desenvolvem mau hálito e podem ter a sua vida pessoal e profissional prejudicada.

Além desses problemas, também é comum que o odor na boca apareça quando o paciente tem alguma infecção, herpes labial, aftas ou feridas provocadas por algum procedimento cirúrgico como a extração de um dente. Quando isso acontece, é preciso começar um tratamento específico para acabar com as feridas.

Por isso, é fundamental que você faça uma avaliação com um especialista para que ele possa iniciar os tratamentos necessários para diminuir ou eliminar o mau hálito.

Inflamação das amígdalas

Inflamação das amígdalas também pode ser considerada a causa do surgimento do mau hálito. Isso geralmente acontece devido a acumulação de resíduos alimentares na amígdala, provocada pela má higienização da língua logo depois das refeições.

Para diminuir a frequência desse tipo de problema, recomenda-se que o paciente faça uma higienização completa da boca. Isso inclui desde a remoção de resíduos da língua, até o uso regular de enxaguantes bucais, que não só limpam, como também refrescam o hálito.

Em casos mais graves, o especialista pode indicar o uso de alguns medicamentos específicos para diminuir a inflamação e devolver a saúde da sua boa. No entanto, isso só pode ser realizado depois de uma avaliação com o dentista para descobrir a causa das inflamações.

Como eliminar o mau hálito

Apesar da melhor maneira de eliminar o mau hálito ser através da avaliação e diagnóstico de um especialista, existem algumas medidas que você pode adotar para acabar com esse tipo de problema ou evitar que ele se desenvolva. Veja abaixo quais são elas:

  • fazer a higienização bucal adequada;
  • escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia;
  • usar limpador de língua, fio dental e escovas com cerdas macias;
  • evitar o consumo de doces e gordura;
  • não fumar ou beber em excesso.

Como você pode perceber ao longo deste post, cuidar da sua saúde bucal e evitar o mau hálito não é uma tarefa difícil. Afinal, tudo que você precisa fazer é adotar alguns cuidados na hora de realizar a higienização dos seus dentes, língua e gengiva.

Para ajudar a evitar o desenvolvimento do mau hálito, é recomendado que seja feita uma visita semestral ao dentista. Ele é o profissional responsável por analisar a saúde e fazer o diagnóstico das possíveis causas do seu problema bucal. Para isso, não deixe de acessar o site do Ateliê Facial e marque a sua consulta.

 

 

(21) 99295-5515 (21) 99295-5515